Segunda-feira, 20 de Dezembro de 2010

O DN publicou, ontém, uma entrevista feita ao professor João César das Neves (JCN), classificada na série "Gente que Conta". Ora bem, este país tem gerado poucas criaturas de elevada craveira intelectual, política ou pedagógica, e JCN não passa de um catedrático mediano. No entanto o DN, mais alguns senhoritos ligados à "indústria palratória", continua a classificar o homem com o rating de AAA, tal como as agências fizeram em relação ao subprime hipotecário nos EUA... Sejamos francos: o professor César das Neves pode ter aprendido muito bem a tabuada e as variáveis económicas, mas nunca conheceu dificuldades no dia-a-dia, e isso dar-lhe-á uma certa aura perante os jovens alunos da sua faculdade. Nada mais do que isso, porque o pensamento de JCN está espelhado nas entrevistas e crónicas publicadas. Ele não passa do menino mimado que não sente nem vê a realidade da vida. Ele é apenas o catedrático que "joga a feijões". César das Neves joga com as variáveis económicas e defende "a taxa de fertilidade" para que Portugal possa ter uma maior produtividade económica. João Céasr das Neves não é capaz de fazer um diagnóstico sério sobre a actual crise económica. Isso ultrapassa a sua compreensão, vai além do discurso sobre "feijões" ou sobre as variáveis económicas. O que verdadeiramente o preocupa é a sua fé evangélica. "Eu acredito em Jesus Cristo", disse o economista ao DN. "Os cristãos sabem que o pecado está presente" -- respondeu ele sobre a pedofilia dos bispos. Para ele, Beneditus XVI "é um grande dom que Deus deu à igreja". Mas César das Neves tambem falou do país, e lembrou que "Portugal está em vias de extinção", devido aos "ataques à família"... Quando lhe perguntaram o que pensa de Sócrates, César disse taxativamente: "É perigoso..." Mas porquê? "Tem muito poder", respondeu. Mais adiante acabou por dizer que "ele (sócrates) já morreu há um ano"... O analista-palrador João César das Neves disse ainda que Sócrates afrontou os juizes e magistrados, os funcionários públicos, os professores... "Só não conseguiu afrontar quem o suporta, quem lhe paga, que são as construtoras"... (Atenção BE, CDS e PCP: convoquem uma Comissão de Inqurérito para analisar esta acusação. É preciso saber quem anda a pagar o ordenado ao primeiro-ministro).

Enfim. João César das Neves é um "papagaio" como os demais palradores pagos a recibo verde. Diz tonterias, joga a feijões, ri-se de si próprio e dos outros. Pouco se conhece sobre este palrador, "gente que conta" (para o DN), mas do qual muito pouco se sabe. Sendo ele católico e defensor da alta "taxa de fertilidade", gostariamos de saber quem ele é, para além do nome, idade, professor na Católica, ex-assessor de Cavaco Silva nos anos de 1991 a 1995 e ter reunido em livro uma série de ideias sobre os jogos a feijão. Eu gostaria de saber se é casado, se tem muitos filhos, e se cumpre os preceitos?  Para mim, o professor João César das Neves, alem de ser um notável "papagaio" da nossa praça, é tambem uma espécie de Coronel Tapioca, que reza o terço e proclama a virtude da castidade.



publicado por Evaristo Ferreira às 14:50 | link do post

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Abril 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

FIM DE CICLO...

A ENTREVISTA DE SÓCRATES

SÓCRATES NA RTP

PASSOS DE JOELHOS

DESCRÉDITO TOTAL

COM PAPAS E BOLOS...

É A ECONOMIA, ESTÚPIDO!

OS PROFETAS DOS "MERCADOS...

QUE SE LIXE O "PÚBLICO"

OS PAPAGAIOS DO COSTUME

arquivos

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

links
blogs SAPO
subscrever feeds