Segunda-feira, 23 de Abril de 2012

O Governo de Passos Coelho está desnorteado com os efeitos da recessão,

provocada pelo programa da Troika. As receitas desceram e as despesas aumentaram. Está em causa o sucesso do "curativo" aplicado pela Troika, mas tambem está posta em causa a eficácia demonstrada por esta "gente honrada" que não consegue levar o país a bom porto. "A culpa não é nossa, se há um culpado é o programa da Troika" -- começa a ouvir-se nos locais onde palram os "papagaios" neoliberais. Pois é, mas foram vocês que, inebriados por terem chegado ao "pote", prometeram ir "alem da Troika", e ameçaram todos os portugueses com o diktat "custe o que custar" -- responderia eu aos palradores do costume. A verdade é que o país afunda-se, em todas as dimensões, e, pela Europa fora, soam alarmes e há quem esteja a entrar em pânico. A Holanda, é o caso mais recente. O governo de direita (!) não consegue aprovar as medidas de austeridade, e e o primeiro-ministro Mark Rutte, ameaça com eleições antecipadas. De França vêm sinais de mudança, que podem confirmar novos rumos políticos no dia 6 de Maio. Por cá, na ausência de Passos (Londres) e de Vitor Gaspar (Washington), foi o ministro Álvaro (dos pasteis de nata) quem esteve de plantão, a defender o Governo, a dar conferências de imprensa, a responder na AR, e a perorar (para quem o quis ouvir) sobre o "bom caminho" da economia portuguesa. No meio desta desolação, apareceu o ministro Mota Soares a falar do plafonamento das reformas, deixando a ideia de que a Segurança Social estava falida, e não havia dinheiro para pagar aos reformados. O plano deixado por Sócrates garantia a sustentabilidade do sistema até 2030. Por isso, muita gente se interrogou: "está tudo doido, ou quê? Então o que fizeram ao dinheiro?".  Bem, dias depois o ministro da Vespa deu o dito por não dito, acabou o "boato" do plafonamento, e o dinheiro está garantido, pelo menos até 2030. Esta "gente honrada, cumpridora da palavra dada", está a perder velocidade, e caminha agora em slow-motion (como nas tevês), à espera que a Troika nos empreste segundo pacote, um pacote com mais 16.000 milhões de euros. Sócrates fechou 2010 com uma dívida de 92% do PIB. Esta "gente honrada" já tingiu os 116% e vai atingir os 125% do PIB, com o pacote de 16.000 milhões... A economia está a borregar e a dívida a aumentar. Trapalhões duma figa...

Quem haveria de dizer que a Holanda tambem está endividada e caminha

para a recessão... Lá vão os tempos em que exportava tulipas para todo o

mundo. Agora tem a concorrência dos chineses, dos filipinos e dos indianos.



publicado por Evaristo Ferreira às 14:42 | link do post | comentar

mais sobre mim
Abril 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

FIM DE CICLO...

A ENTREVISTA DE SÓCRATES

SÓCRATES NA RTP

PASSOS DE JOELHOS

DESCRÉDITO TOTAL

COM PAPAS E BOLOS...

É A ECONOMIA, ESTÚPIDO!

OS PROFETAS DOS "MERCADOS...

QUE SE LIXE O "PÚBLICO"

OS PAPAGAIOS DO COSTUME

arquivos

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

links
blogs SAPO
subscrever feeds