Sexta-feira, 2 de Março de 2012

Com a subida «colossal» do desemprego para os 14,8% o clima político

em Portugal começa a mostrar vontade de mudança. Já não se trata apenas de críticas vindas do lado da oposição. A dúvida quanto ao sucesso das medidas de austeridade tomadas pelo Governo, vêm do lado do presidente Cavaco Silva, apoiante da actual maioria da Coligação PSD/CDS. Os números do desemprego "assustam qualquer pessoa", disse Cavaco Silva. Ouvem-se vozes críticas vindas dos apoiantes da Coligação, e em especial do partido maioritário, o PSD. António Capucho, disse que a reforma das freguesias é uma "autêntica palhaçada" e Marques Mendes, a propósito da aprovação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito ao BPN, afirma que o «CDS teve um comportamento desleal e hipócrita», ao abster-se na votação. Por outro lado, o CDS continua a reclamar uma "listagem dos contratos milionários" existentes na RTP, exigindo a Miguel Relvas que disponibilize o nome de todos os funcionários ao serviço da televisão pública que ganham mais do que 6.253 euros, que é o actual ordenado do Presidente da República. E, no meio deste furacão, cuja força é sustentada pelos 14,8% do desemprego, pelo crescimento negativo de -3,3% do PIB, pelos 35,1% do desemprego jovem e pelos cortes brutais nas pensões, na saúde e na subida em flecha dos transportes públicos, ainda aparecem ministros inaptos e improdutivos, como seja o Álvaro, incapazes de sentir e avaliar o que está acontecendo neste país, em especial na política económica, financeira, social e de apoio aos jovens. O Governo está escorado apenas em Passos Coelho, Vitor Gaspar, e Miguel Relvas. Ninguem sabe de Paulo Portas, o cameleão que em 24 de Março de 2011 afirmava: «Eu sou de franqueza. Quando concordo, concordo. Quando discordo, discordo. E tenho que vos dizer isto com toda a franqueza. Subir impostos é aumentar a recessão. Disse-o ontem, e digo-o hoje». Onde está agora este senhor? O CDS, parece estar resumido a Nuno Magalhães, líder do grupo parlamentar, e Assunção Cristas, ministra da Agricultura e mais quatro valências, que dá cobertura ao chefe "Paulinho das Feiras". Na verdade, a vida está dificil para Passos Coelho, e para todos os portugueses. Hà quem apele à unidade de tdodos, mas as feridas ainda não estão saradas. Cavaco Silva diz que os 27 dirigentes europeus  estão a baquear perante as agências de rating, mas no tempo de Sócrates dizia que «não se deve criticar os mercados», quem nos empresta dinheiro, e que as agências de rating estavam a fazer o seu papel. Cavaco fazia o jogo da Velha Senhora, e depois de Passos Coelho. Esquecia a conjuntura internacional. Agora toda "esta gente honrada" se desculpa com a situação internacional. Não há dúvida que este discurso é hipócrita, difuso e maquiavélico. Parafraseando Marques Mendes, «isto é próprio de imberbes da política», disse-o ontém na TVI24, a propósito da aprovação de uma Comissão de Inquérito ao BPN apresentada pelo PS, onde o CDS se absteve. Até onde irá Paulo Portas, nesta fuga à sua quota-parte nas responsabilidades políticas deste Governo?

Aqui, nao há gato. Mas eles andam por aí, convivem connosco, desde o tempo

dos faraós, segundo testemunho de Herodoto. Ontem foi o Dia do Gato, por

por isso faz sentido registar aqui essa data. Na imagem, um bichano siamês.



publicado por Evaristo Ferreira às 12:01 | link do post | comentar

mais sobre mim
Abril 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

FIM DE CICLO...

A ENTREVISTA DE SÓCRATES

SÓCRATES NA RTP

PASSOS DE JOELHOS

DESCRÉDITO TOTAL

COM PAPAS E BOLOS...

É A ECONOMIA, ESTÚPIDO!

OS PROFETAS DOS "MERCADOS...

QUE SE LIXE O "PÚBLICO"

OS PAPAGAIOS DO COSTUME

arquivos

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

links
blogs SAPO
subscrever feeds