Quarta-feira, 4 de Janeiro de 2012

É um puro prazer, neste ameno e ensolarado inverno português,

(cuja «mais-valia» [ainda] não está sujeita a imposto nem o seu usufruto obriga ao preenchimento de qualquer Anexo à lista do IRS), dar um passeio pelos bairros de Lisboa. Estimula a memória e ajuda a aliviar a dor causada pela austeridade passosgaspariana. Foi isso, justamente, o que fiz hoje. Calcorreei o Bairro de Campo de Ourique, onde vivi parte da minha infância. Fiz um intervalo no Jardim da Parada (agora denominado Jardim Teófilo Braga) e depois outro no Jardim da Estrela. Lisboa, nestes dias de sol, tem uma luz maravilhosa, inconfundível, arrebatadora. Uma luz que fascina todos os profissionais da fotografia, e que surpreende, pela positiva, qualquer turista que visite a capital... Que cada um de nós usufrua esta «riqueza», composta por elementos arquitectónicos, arruamentos, jardins, sol e este clima ameno de inverno.

Por enquanto, é de borla.

A cor e a luz de Lisboa fascina todos os amantes da pintura e da fotografia.



publicado por Evaristo Ferreira às 16:32 | link do post | comentar

mais sobre mim
Abril 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

FIM DE CICLO...

A ENTREVISTA DE SÓCRATES

SÓCRATES NA RTP

PASSOS DE JOELHOS

DESCRÉDITO TOTAL

COM PAPAS E BOLOS...

É A ECONOMIA, ESTÚPIDO!

OS PROFETAS DOS "MERCADOS...

QUE SE LIXE O "PÚBLICO"

OS PAPAGAIOS DO COSTUME

arquivos

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

links
blogs SAPO
subscrever feeds