Quarta-feira, 21 de Dezembro de 2011

Neste final de ano, as asneiradas cometidas pelo Governo de Passos Coelho

têm sido tão brutais e «colossais», que os portugueses começam a ficar irritados e convencidos de que chegou o momento de dizer «basta» a esta gente «estrangeirada» que nos governa. O país vai de mal a pior, todos os índices económicos estão em queda acelerada, o desemprego cada vez sobe mais, e o dinheiro dos trabalhadores e reformados já não dá para viver com alguma decência. No entanto, os meios de informação, afectos ao poder económico, continuam a tecer lôas aos «restauradores da produtividade» e das «reformas estruturais». Veja-se o que se passa no antigo Diário de Notícais: hoje o PRAVDA (DN), dirigido pelo «isento» jornalista e didáctico-comentador das Tevês, João Marcelino, vem defender a acção deste Governo, na continuidade. O editorial do PRAVDA (DN) tem um título sugestivo: «Mudar de vida, ràpidamente e em força». Nele se afirma: «Já quanto ao mercado de trabalho, o que se pretende agora é, de uma vez, harmonizar as leis protectoras do emprego...[...] «Tudo com o selo da ruptura do passado para abrir um novo cíclo irreversível». Este PRAVDA (DN), é mais papista que o Papa... Melhor que isto, só o DN do antigamente, quando era dirigido por Augusto de Castro. O actual DN, pela primeira vez depois do 25 de Abril, «encostou-se»  aos «camaradas» do ultra-liberalismo.

 

As calinadas do secretário da Juventude, [qualquer coisa] Mestre, foram

agora ampliadas pelo primeiro-ministro Passos Coelho. O secretário Mestre, pediu aos jóvens para sairem do seu lugar de conforto, e emigrarem, à procura de trabalho. Passos Coelho, recomendou aos jóvens professores para emigrarem para África e Brasil... Estes neoliberais, insensíveis e «acomodados» na vida, não são capazes de dar esperança aos portugueses. Querem que metade dos portugueses vá para fora, para o estrangeiro, porque aqui não existe lugar para eles... Isto é insólito e inaceitável. Mas esta «gente honesta e patriótica» quer correr com os jóvens portugueses, deixando cá os «velhos reformados» à deriva, e sem gente que cuide do futuro deste país?... Esta é uma política social absurda. Esta «gente cumpridora da palavra dada», não sabe do que está a falar. Não são humanos, patriotas, portugueses. Devem ser certamente «estranhos», extra-terrestres vindos de outro planeta... E vieram para nos colonizar, escravizar e exterminar. Só pode ser isto!...



publicado por Evaristo Ferreira às 14:46 | link do post | comentar

mais sobre mim
Abril 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

FIM DE CICLO...

A ENTREVISTA DE SÓCRATES

SÓCRATES NA RTP

PASSOS DE JOELHOS

DESCRÉDITO TOTAL

COM PAPAS E BOLOS...

É A ECONOMIA, ESTÚPIDO!

OS PROFETAS DOS "MERCADOS...

QUE SE LIXE O "PÚBLICO"

OS PAPAGAIOS DO COSTUME

arquivos

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

links
blogs SAPO
subscrever feeds