Quinta-feira, 13 de Outubro de 2011

Enquanto o tempo permite, e o Carlos Gaspar não me vai á bolsa...

O tempo corre de feição, as vindimas chegam ao fim, mas o Douro continua soberbo. Peso da Régua, viagem de barco até ao Pinhão, com almoço a bordo. Regresso a Régua e comboio para Arelhos. Daí para Tormes, a recordar Eça de Queiroz, em sua casa, transformada em Fundação para manter a memória do escritor. Mas tambem do Zé Fernandes e do Jacinto, personagens queirozianas de A Cidade e as Serras, que deixaram Paris para viver em Tormes, e gozarem ali as maravilhas da Natureza espelhadas na paisagem do Douro Vinhateiro, que é hoje Património da Humanidade.



publicado por Evaristo Ferreira às 12:09 | link do post | comentar

mais sobre mim
Abril 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

FIM DE CICLO...

A ENTREVISTA DE SÓCRATES

SÓCRATES NA RTP

PASSOS DE JOELHOS

DESCRÉDITO TOTAL

COM PAPAS E BOLOS...

É A ECONOMIA, ESTÚPIDO!

OS PROFETAS DOS "MERCADOS...

QUE SE LIXE O "PÚBLICO"

OS PAPAGAIOS DO COSTUME

arquivos

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

links
blogs SAPO
subscrever feeds