Quarta-feira, 5 de Dezembro de 2012

Este Governo continua a partir pedra, em cascata, pois fica mais barato.

Seguindo o lema água mole em pedra dura, tanto dá até que a fura,task force dos obreiros neoliberais, segue e soma, até fazer mossa. Estou a falar do pedreiro Miguel Relvas, o qual brilha a bater rijo na RTP, nalguns jornalistas, e nas Juntas de Freguesia. O obreiro Relvas continua a partir pedra, fazendo um favor ao Governo, pois assim, vai distraindo tudo e todos. Esta, é a função dos novos maçons. Outro obreiro que se tem notabilizado a partir pedra, é o ministro-sombra que estagiou no Goldman Sachs. Refiro-me a António Borges, que tem mostrado ser um picador de pedra de alto coturno. Não fazendo parte do Governo, António Borges vai cumprindo, escrupulosamente, a tarefa de partir pedra ao serviço de Passos Coelho. A sua dedicação e pontaria no guilho é tanta, que tem causado enorme desassossego nos desempregados e contribuintes deste país. Depois, temos o peso-pesado Carlos Abreu Amorim, um pedreiro especializado em correr com eles à pedrada. Lá anda ele a partir pedra nas autarquias, pois o seu amado chefe, o pedreiro Relvas, já perdeu toda a credibilidade junto dos autarcas. No Governo de Passos Coelho estão identificados mais alguns maçons, mas não têm a craveira dos já mencionados. Todavia, fora do "pote", contam-se mais dois ou tres pedreiros que batem pedra pelo Governo. Cito, por exemplo, o professor Marcelo, e o seu futuro chefe da casa civil na PdR, Marques Mendes, maçon que já foi conhecido por Ganda Nóia. Estes maçons de avental, cada um à sua maneira, partem pedra uma vez por semana nos estúdios da TVI. Têm partido tanta pedra, e com tal vigôr, que já me causa asco assistir à britagem do seu trabalho nas pedreiras da TVI. Mas porquê tanto pedreiro ao serviço deste Governo? -- perguntarão alguns. A resposta é dificil de dar, mas eu creio que Passos Coelho precisa deste maçons/pedreiros para partirem pedra, apenas isso. Assim, vai confundindo uns, entretendo outros, e iludindo a todos nós. No próximo ano poderemos confirmar se assim é.

Afinal não somos diferentes da Grécia. A doença é igual, a receita é a mesma.

Angela Merkel foi eleita para continuar a liderar a CDU

com 97,9 % dos votos. É uma vitória à King-Jon-un...



publicado por Evaristo Ferreira às 15:11 | link do post | comentar

1 comentário:
De Francisco Clamote a 5 de Dezembro de 2012 às 21:05
Não chegam a ser pedreiros. São trolhas.


Comentar post

mais sobre mim
Abril 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

FIM DE CICLO...

A ENTREVISTA DE SÓCRATES

SÓCRATES NA RTP

PASSOS DE JOELHOS

DESCRÉDITO TOTAL

COM PAPAS E BOLOS...

É A ECONOMIA, ESTÚPIDO!

OS PROFETAS DOS "MERCADOS...

QUE SE LIXE O "PÚBLICO"

OS PAPAGAIOS DO COSTUME

arquivos

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

links
blogs SAPO
subscrever feeds